Welfare Massoterapia

Drenagem Linfática

Benefícios da drenagem linfática

No verão, a preocupação em manter o corpo mais bonito é maior. Um dos tratamentos que ajudam a eliminar peso é a drenagem linfática, que é uma técnica de massagem usada para drenar e limpar macromoléculas e resíduas celulares. Com isso são eliminados o excesso de liquido e as toxinas do organismo.

O sistema linfático é uma rede complexa de vasos que movem fluidos através do corpo.

Apesar do fluido se mover através do sistema linfático, ele não tem o próprio mecanismo de bombeamento. A drenagem linfática é um tipo de terapia que serve para ajudar a linfa a fluir mais facilmente.

Dentre os benefícios estão:

  • Combate o inchaço e a retenção de líquidos;
  • Ajuda no combate a celulite;
  • Ajuda na recuperação de lesões musculares e articulares;
  • Colabora na cicatrização dos tecidos;
  • Preveni aderência cicatriciais após a cirurgia plástica;
  • Reduz os hematomas;
  • Melhora a circulação sanguínea, venosa e linfática;
  • Reduz os hematomas;
  • Oxigena os tecidos de forma mais adequada;
  • Colabora para a eliminação das toxinas do corpo;
  • Melhora a autoestima e consequentemente a qualidade de vida.

Drenagem pra eliminar celulite

O sistema linfático tem que funcionar bem e deve estar saudável para que não haja o aparecimento da celulite.

A linfa (liquido presente entre as celulas e que apresenta uma composição semelhante a do plasma sanguíneo) é importante para transportar fluidos e proteínas em excesso e para prevenir o inchaço do corpo.

O sistema linfático serve para manter as células irrigadas e também para drenar as toxinas, resto do processo de metabolismo e para manter o equilíbrio da hidratação nas células.

Quando há problemas de circulação da linfa ocorre a celulite. A celulite pode também ser originada por má alimentação e falta de exercícios físicos.

Ao entender ao funcionamento do sistema linfático podemos perceber melhor como a celulite aparece. Existem impurezas debaixo da pele, e a linfa não consegue limpar tudo.

Estas impurezas misturam se com gordura e criam pequenos entupimentos sólidos debaixo da pele, a celulite. A drenagem linfática ajuda na sua remoção pois ajuda a soltar estes nódulos entupidos.

Como é feita a drenagem linfática

O sistema linfático tem que funcionar bem e deve estar saudável para que não haja o aparecimento da celulite.

A linfa (liquido presente entre as células e que apresenta uma composição semelhante a do plasma sanguíneo) é importante para transportar fluidos e proteínas em excesso e para prevenir o inchaço do corpo.

O sistema linfático serve para manter as células irrigadas e também para drenar as toxinas, resto do processo de metabolismo e para manter o equilíbrio da hidratação nas células.

Quando há problemas de circulação da linfa ocorre a celulite. A celulite pode também ser originada por má alimentação e falta de exercícios físicos.

Ao entender ao funcionamento do sistema linfático podemos perceber melhor como a celulite aparece. Existem impurezas debaixo da pele, e a linfa não consegue limpar tudo.

Estas impurezas misturam se com gordura e criam pequenos entupimentos sólidos debaixo da pele, a celulite. A drenagem linfática ajuda na sua remoção pois ajuda a soltar estes nódulos entupidos.

Como é feita a drenagem

A drenagem linfática manual (massagem) consiste em técnicas que realizam movimentos circulares, suaves e precisos sobre o caminho percorrido pelos vasos linfáticos.

Indicações da drenagem linfática

  • Durante a gravides;
  • Após cirugia plástica;
  • Após tratamento do câncer para combater o linfodema;
  • Lesões e traumatismos nos músculos, tendões e articulações;
  • Durante o período menstrual; após qualquer cirurgia;
  • Em caso de celulite;
  • Devido ao consumo excessivo de sal e pouca ingestão de agua.

Combatendo a má circulação

A massagem também é indicada para casos de má circulação sanguínea, varizes tensão muscular, enxaqueca, hipertensão e até sinusite. Além disso, por estimular o sistema nervoso parassimpático é ótima para relaxar o estresse.

Os principais sintomas de má circulação nas pernas são tornozelos, varizes e rachaduras no calcanhar que surgem devido a falta de nutrientes nessa região do corpo.

A má circulação atinge principalmente os idosos e mulheres, especialmente aquelas que estão gravidas ou que usam pílulas anticoncepcional, mas pode afetar pessoas de todas as idades.

O método é contra indicado para quem sofre insuficiência renal, trombose hipertireoidismo e para portadores no sistema linfático, procure seu médico para mais informações.